Sexta-feira, 20 de Julho de 2012

RIP José Hermano Saraiva

É com muita pena que hoje escrevo estas más novidades. Um grande homem deixou o Mundo e assim digo, que Portugal acabou de perder cultura e um grande historiador que tanto nos dava a conhecer! Descance em paz, José Hermano Saraiva.

 

> Terceiro filho de José Leonardo Venâncio Saraiva e de sua mulher Maria da Ressurreição Baptista, cresceu em Leiria, onde frequentou o Liceu Nacional. Iniciou a sua vida profissional no ensino liceal, que acumulou com o exercício da advocacia. Desse modo foi professor e, seguidamente, director do Instituto de Assistência aos Menores, reitor do Liceu Nacional D. João de Castro, em Lisboa, e professor do Instituto Superior de Ciências Sociais e Política Ultramarina.

> Envolvido na política, durante o Estado Novo, foi deputado à Assembleia Nacional, procurador à Câmara Corporativa e ministro da Educação. Durante o seu ministério, entre 1968 e 1970, enfrentou um dos momentos mais conturbados da oposição ao Salazarismo, com a Crise Académica de 1969.

> Com o advento da Democracia, José Hermano Saraiva tornou-se numa figura apreciada em Portugal, bem como junto das comunidades portuguesas no estrangeiro, pelos seus inúmeros programas televisivos sobre História de Portugal. Por esse mesmo motivo, tornou-se igualmente numa figura polémica, porque a sua visão da História tem sido, por vezes, questionada pelo meio académico.

Pela sua grande capacidade de comunicação, popularizou-se com programas televisivos sobre História e cultura.

> Morreu a 20 de Julho de 2012 aos seus 92 anos, em Setúbal, onde residia.

publicado por patrícia oliveira às 14:12
link do post | comentar | favorito
5 comentários:
De anna williams a 20 de Julho de 2012 às 15:33
Eu gostava muito dele, era uma pessoa muito inteligente! :c
um beijinho princesa, ♥♥


De anna williams a 20 de Julho de 2012 às 17:14
é uma pena :c


De Teresa a 20 de Julho de 2012 às 17:17
Um grande senhor!


De Miguel Alexandre Pereira a 20 de Julho de 2012 às 18:46
Mais uma grande personalidade portuguesa que partiu, o país fica mais pobre. Vai sentir-se a falta dos seus fabulosos programas... Uma enorme perda! Um bom fim-de-semana!


De Fireflies-old a 21 de Julho de 2012 às 10:25
Em pequena conhecia-o pelo "Senhor do canal 2" e achava muita graça à maneira como ele explicava as coisas e o tom de voz que usava nas suas conversas. Hoje em dia, reconheço-o como o grande historiador que foi e sei Portugal nunca terá um igual. Ele tinha gosto, paixão e dedicação no que fazia. E vai fazer muita falta, porque a História Portuguesa deixou há muito de ser prioridade nas escolas.


Comentar post

layout coded by fourteenroses & adapted by hart designs