Sexta-feira, 9 de Novembro de 2012

nao tem título

Eu sei que deixei o blog um bocado para trás, e peço desculpa por isso. Sinto que vos deixei desapontados, e peço desculpa também, mas agora a minha maior prioridade é a escola. Apesar de ter deixado tudo isto para trás não posso dizer que os meus resultados tenham melhorado, o que é mentira. Há uns dias recebi o teste de Geografia e tive 8,8.. Eu já sabia que não iria tirar positiva, mas não pensei que a negativa fosse alta; fui um bocado burra porque se eu tivesse acertado as 2 questões de escolha múltipla tinha tido positiva por mais baixa que fosse, e isso deixou-me triste. Hoje à tarde vou receber o de História e o de Filosofia e logo vos digo alguma coisa (eu depois edito o post e coloco o que tive).

Mas o pior de tudo, foi o teste de Inglês. Fi-lo hoje. Sinto que parte de mim morreu quando fiz aquele teste, não de medo, mas sim de vergonha. Aliás, nem sei o que sentir. O que sei é que estou a imaginar quando a stora olhar para o meu teste. Como é que uma aluna de 4's e 5's (básico) passa para um 12 no secundário? Então agora como a stora é diferente e eu baralhei-me toda neste teste ainda vou descer mais a minha nota. Quando as coisas não me correm bem, simplesmente só quero chorar, e foi o que aconteceu, não aguentei e desabei. Não é para me gabar nem nada disso, mas como é que uma aluna tão boa a Inglês como eu, que já tenho Inglês desde os meus 5 anos de idade e que sempre tive as melhores notas da turma acaba com umas notas de porcaria (que é mesmo assim)? Se eu tiver negativa no teste de Inglês acho que não aguento. Uma pessoa tenta esforçar-se e quando não consegue chegar onde quer é mau, e eu sinto-me mal. Eu não soube ler o teste, e baralhei tudo, ou seja, gastei 45 minutos a responder a umas questões quando afinal era só ligar as perguntas às letras do texto, conclusão: fiquei stressada, obvio. Depois tive de iventar uma composição toda a rasca só para conseguir o mínimo de 120 palavras porque faltavam 5 minutos para tocar, ah, e eu ainda não tinha acabado o teste. Depois a stora chegou ao pé de mim e disse: "Então Ana, ainda não está?" e eu respondi: "Não stora, por favor só mais 5 minutos", e lá acabei o teste.

E pronto foi assim, agora vou para a escola para ter História, Filosofia e Geografia, e só saio as 18:30h, e pronto, depois digo-vos então o resultado dos meus testes.

Mais uma vez desculpem por tudo, adoro-vos*

 

EDITADO: Tive 10 a História e 14 a Filosofia

publicado por patrícia oliveira às 12:35
link do post | comentar | favorito
5 comentários:
De Soph a 9 de Novembro de 2012 às 18:24
oh vais ver que isso melhora, todas as pessoas teem os seus altos e baixos no secundario :)


De margarida a 10 de Novembro de 2012 às 19:43
A mim também me custou muito a transição do básico para o secundário, é frustrante porque uma pessoa estuda, sabe que é capaz de isso mas depois as coisas não correm como queremos. 
Sê forte e não desanimes, vais ver que vais dar a volta por cima :)
Beijinhos


De Miguel Alexandre Pereira a 11 de Novembro de 2012 às 16:19
Apesar das coisas não estarem bem, vais ver que vais conseguir melhorar, não há nada que com esforço e dedicação não seja atingível  Boa sorte para as próximas avaliações! 


De Maria a 11 de Novembro de 2012 às 21:24
Apesar de nem sempre o parecer, a passagem do Básico para o Secundário até que é bem visível. Eu também passei pelo mau bocado no início do meu 10.º ano - não com negativas, mas com notas baixas, como 12 e 13, especialmente vindo do Básico com 4's e 5's. É nos exigido muito mais e, além do mais, estamos com professores novos e, nem sempre, é fácil nos adaptarmos aos novos métodos de ensino e de avaliação deles. Mas vais ver que isto passa, e que voltas a ter boas performances. O que importa é que não te deixes ir abaixo por causa disto. Pensa nisto como um deslize e como algo para aprenderes no futuro. E nos próximos testes já saberás o que te espera e assim já estarás mais preparada.

Beijinhos!


De Maria a 17 de Novembro de 2012 às 18:29
Eu sei que cada caso é como cada qual, mas penso que de qualquer maneira conseguirás subir as tuas notas ao longo deste ano. E do próximo também. E porque a partir do momento em que perdemos a confiança e deixamos de acreditar que conseguimos, começa a ficar tudo como que estragado, o melhor é nunca deixarmo-nos de motivar para melhorarmos.

Beijinhos!


Comentar post

layout coded by fourteenroses & adapted by hart designs